Quem não é por mim é contra mim; e quem comigo não ajunta espalha

Lucas 9:23 – “Quem não é por mim é contra mim; e quem comigo não ajunta espalha.”

Essa conclusão de uma palavra de Jesus aos descrentes no poder de Deus na vida de um homem para expulsar demônios, e os que ainda por cima o queriam pô-lo à prova.

No texto completo a partir do versículo 14 Jesus expele um demônio que era mudo e consequentemente o homem de quem se apoderou ficou mudo também, expelido o demônio que causava este distúrbio, passou o homem a falar. “Vale dizer que, o fato deste caso específico o motivo da mudez era uma demônio no corpo daquele homem, não equivale dizer que esta é a causa de todos que sofrem deste distúrbio, há sem dúvidas muitas outras causas”.

O Fato que queremos relevar aqui é a questão de se crer ou não no que Deus pode fazer através de um crente verdadeiro, neste caso expelir um demônio causador de um distúrbio no corpo de um ser humano, que uma vez liberto, ficou livre também do distúrbio, um milagre como consequência de outro.

O grifo em crente verdadeiro não foi por acaso infelizmente, muito joio crescendo junto com o trigo há, e como o joio não é trigo, isto é dos que se dizem crentes na verdade nem todos o são, muito embora saibam que o poder de Deus se manifesta através da vida do crente verdadeiro atrelam este saber ao fato que o povo místico quer ver milagres uns para sua própria cura e outros como sinal para crer, os crentes falsos portanto que não tem o poder de Deus simula falsos milagres para serem considerados pelos homens como crentes verdadeiros, porque não podem não serem usados pelo poder de Deus. Infelizmente muitos destes, se destacam de uma tal forma, que até os crentes verdadeiros que por motivo não sabemos Deus não usa na operação de milagres, e acabam copiando os dissimulados, demonstrando infantilidade na sua participação da obra.

A cura verdadeira promove ajuntamento de pessoas salvas e crentes, a cura falsa promove o afastamento da pessoa frustrada, e faz crescer número de descrentes.

Palavra de Jesus Cristo “Quem não é por mim é contra mim; e quem comigo não ajunta espalha”

Embora saibamos disto devemos ter cuidado, nós não temos autorização de Deus para julgar e nem para arrancar o joio que cresce no meio do trigo, um dia isto de fato acontecerá, mas quando o dono da casa der ordem aos ceifeiros. Mat. 13:30.

Diga-se em tempo que o inverso de Lucas 9:23 que está em Marcos 9:40 também é verdadeiro. Alguns há que não são crentes verdadeiros mesmo assim podem prestar bons serviços a obra.