Os quatro maus juízos de DEUS – Parte 1/3

“Porque assim diz o Senhor DEUS: Quanto mais, se eu enviar os meus quatro maus juízos, a espada, a fome, as feras, e a peste, contra Jerusalém, para cortar dela homens e feras?”
Ezequiel 14:21

Introdução:

Falar em “maus juízos” não equivale dizer que os juízos são maus e nem que Deus julga mau. Juízos aqui pressupõe que os julgados tiveram a justa sentença, que é mau para eles, quem as recebeu, sentença esta, que poderia ter sido evitada, caso os julgados tivessem dado ouvidos aos profetas que falaram da parte de Deus, como uma trombeta que da o alerta geral, e se arrependido dos seus pecados. Leia mais

O Dom de Profecia no Novo Testamento

Atos 11:27-30

“27 E naqueles dias desceram profetas de Jerusalém para Antioquia.
28 E, levantando-se um deles, por nome Ágabo, dava a entender pelo Espírito, que haveria uma grande fome em todo o mundo, e isso aconteceu no tempo de Cláudio César.
29 E os discípulos determinaram mandar, cada um conforme o que pudesse, socorro aos irmãos que habitavam na Judéia.
30 O que eles com efeito fizeram, enviando-o aos anciãos por mão de Barnabé e de Saulo.”

Leia mais

Colossenses 1:1-8

Prefácio de uma carta que mostra o zelo e o cuidado de uma igreja, formada por um grupo de irmãos, firmes e coerentes com a mensagem que receberam e os tornaram filhos de Deus por crerem em nosso Senhor Jesus Cristo.

Mencionado no versículo 7, foram doutrinados no evangelho, por Epafras ministro de Cristo, homem de Deus, sob a supervisão do Apóstolo Paulo, destaques das palavras de Paulo dirigida a eles: Leia mais

Daniel 2:30

Daniel 2:30 – “E mim foi revelado este mistério, não porque haja em mim mais sabedoria do que todos os viventes, mas para que a interpretação se fizesse saber ao rei, e para que entendesses as cogitações da tua mente”

Assim falou Daniel ao rei Nabucodonosor, quando este já tinha a revelação do mistério, o sonho do rei , em como sua interpretação. Leia mais