A Igreja de Deus coluna e baluarte da verdade

1ª Timóteo 3:14-15
“Escrevo-te estas coisas, esperando ir ver-te bem depressa;
Mas, se tardar, para que saibas como convém andar na casa de Deus, que é a igreja do Deus vivo, a coluna e firmeza da verdade.”

Como se deve proceder na casa de Deus? Em primeiro lugar é necessário identificar o que Paulo quis dizer com casa de Deus, o próprio texto responde: É a igreja do Deus vivo que tem como lema, ser a coluna e o baluarte da verdade. Em segundo lugar quando se fala de vida e verdade, lembra-se logo das palavras do nosso Senhor Jesus que disse: “Eu sou o caminho a verdade e a vida ninguém vem ao Pai senão por mim”. Em terceiro lugar é preciso saber o papel da coluna num edifício e o baluarte para uma cidade. Leia mais

Saudades do templo

Salmos 84:1-12

“1 Quão amáveis são os teus tabernáculos, SENHOR dos Exércitos!
2 A minha alma está desejosa, e desfalece pelos átrios do Senhor; o meu coração e a minha carne clamam pelo Deus vivo.
3 Até o pardal encontrou casa, e a andorinha ninho para si, onde ponha seus filhos, até mesmo nos teus altares, Senhor dos Exércitos, Rei meu e Deus meu.
4 Bem-aventurados os que habitam em tua casa; louvar-te-ão continuamente. (Selá.)
5 Bem-aventurado o homem cuja força está em ti, em cujo coração estão os caminhos aplanados.
6 Que, passando pelo vale de Baca, faz dele uma fonte; a chuva também enche os tanques.
7 Vão indo de força em força; cada um deles em Sião aparece perante Deus. Leia mais

Cântico de exaltação a Deus pela sua bondade e sua misericórdia

Salmo 92:1-15

1 Bom é louvar ao SENHOR, e cantar louvores ao teu nome, ó Altíssimo;
2 Para de manhã anunciar a tua benignidade, e todas as noites a tua fidelidade;
3 Sobre um instrumento de dez cordas, e sobre o saltério; sobre a harpa com som solene.
4 Pois tu, Senhor, me alegraste pelos teus feitos; exultarei nas obras das tuas mãos.
5 Quão grandes são, Senhor, as tuas obras! Mui profundos são os teus pensamentos.
6 O homem brutal não conhece, nem o louco entende isto.
7 Quando o ímpio crescer como a erva, e quando florescerem todos os que praticam a iniqüidade, é que serão destruídos perpetuamente.
8 Mas tu, Senhor, és o Altíssimo para sempre.
9 Pois eis que os teus inimigos, Senhor, eis que os teus inimigos perecerão; serão dispersos todos os que praticam a iniqüidade.
10 Porém tu exaltarás o meu poder, como o do boi selvagem. Serei ungido com óleo fresco.
11 Os meus olhos verão o meu desejo sobre os meus inimigos, e os meus ouvidos ouvirão o meu desejo acerca dos malfeitores que se levantam contra mim.
12 O justo florescerá como a palmeira; crescerá como o cedro no Líbano.
13 Os que estão plantados na casa do Senhor florescerão nos átrios do nosso Deus.
14 Na velhice ainda darão frutos; serão viçosos e vigorosos,
15 Para anunciar que o Senhor é reto. Ele é a minha rocha e nele não há injustiça.

Leia mais

Uma providencia de administração que deu certo

2 Reis 12:1-16 – 2 Cronicas 24:1-14

Durante o reinado de Joás dirigido por Joiada o sacerdote, havia um orçamento para recuperação e manutenção do templo e sustento dos sacerdotes, que deveria ser um número grande homens, com suas famílias, o sistema de arrecadação usado pelo tutor do rei era simples, Os sacerdotes recebiam dinheiro dos seus conhecidos, parte deveria ser usado para o sustento dos sacerdotes e parte para reparação do templo, este modelo vigorou durante 23 anos, não deu certo, parte do orçamento era suprida e parte não, o templo não foi reparado, não havia muita transparência, embora os sacerdotes fossem confiáveis, as ofertas não foram suficientes. Leia mais

Isaias 33:1-10

1 Ai de ti, despojador, que não foste despojado, e que procedes perfidamente contra os que não procederam perfidamente contra ti! Acabando tu de despojar, serás despojado; e, acabando tu de tratar perfidamente, perfidamente te tratarão.
2 Senhor, tem misericórdia de nós, por ti temos esperado; sê tu o nosso braço cada manhã, como também a nossa salvação no tempo da tribulação.
3 Ao ruído do tumulto fugirão os povos; à tua exaltação as nações serão dispersas.
4 Então ajuntar-se-á o vosso despojo como se ajunta a lagarta; como os gafanhotos saltam, assim ele saltará sobre eles.
5 O Senhor está exaltado, pois habita nas alturas; encheu a Sião de juízo e justiça.
6 E haverá estabilidade nos teus tempos, abundância de salvação, sabedoria e conhecimento; e o temor do Senhor será o seu tesouro.
7 Eis que os seus embaixadores estão clamando de fora; e os mensageiros de paz estão chorando amargamente.
8 As estradas estão desoladas, cessou o que passava pela vereda, ele rompeu a aliança, desprezou as cidades, e já não faz caso dos homens.
9 A terra geme e pranteia, o Líbano se envergonha e se murcha; Sarom se tornou como um deserto; e Basã e Carmelo foram sacudidos.
10 Agora, pois, me levantarei, diz o Senhor; agora me erguerei. Agora serei exaltado.
Isaías 33:1-10 Leia mais

Mateus 10:24-33

24 “O discípulo não está acima do seu mestre, nem o servo acima do seu senhor.
25 Basta ao discípulo ser como o seu mestre, e ao servo, como o seu senhor. Se o dono da casa foi chamado Belzebu, quanto mais os membros da sua família!
26 “Portanto, não tenham medo deles. Não há nada escondido que não venha a ser revelado, nem oculto que não venha a se tornar conhecido.
27 O que eu digo a vocês na escuridão, falem à luz do dia; o que é sussurrado em seus ouvidos, proclamem dos telhados.
28 Não tenham medo dos que matam o corpo, mas não podem matar a alma. Antes, tenham medo daquele que pode destruir tanto a alma como o corpo no inferno.
29 Não se vendem dois pardais por uma moedinha? Contudo, nenhum deles cai no chão sem o consentimento do Pai de vocês.
30 Até os cabelos da cabeça de vocês estão todos contados.
31 Portanto, não tenham medo; vocês valem mais do que muitos pardais!
32 “Quem, pois, me confessar diante dos homens, eu também o confessarei diante do meu Pai que está nos céus.
33 Mas aquele que me negar diante dos homens, eu também o negarei diante do meu Pai que está nos céus.” Leia mais

“Somos justificados pela fé, e em Cristo temos paz com Deus”

Romanos 5:1-5

1 “Tendo sido, pois, justificados pela fé, temos paz com Deus, por nosso Senhor Jesus Cristo,
2 por meio de quem obtivemos acesso pela fé a esta graça na qual agora estamos firmes; e nos gloriamos na esperança da glória de Deus.
3 Não só isso, mas também nos gloriamos nas tribulações, porque sabemos que a tribulação produz perseverança;
4 a perseverança, um caráter aprovado; e o caráter aprovado, esperança.
5 E a esperança não nos decepciona, porque Deus derramou seu amor em nossos corações, por meio do Espírito Santo que ele nos concedeu.”
Leia mais

Deus julga a nação idolatra e de maus procedimentos, porém ao final do julgamento, ouve o clamor e dá livramento.

Juízes 6:1 – 8:35

Os filhos de Israel fizeram o que era mau perante o Senhor, por isto, foram julgados por Ele e sofreram nas mãos dos midianitas por sete anos. Eles semeavam e os midianitas, amalequitas e outros povos do oriente subiam contra eles e destruíam a produção de forma que eles ficavam debilitados, empobrecidos em todos os sentidos. Mas ao final de sete anos Deus ouviu o clamor do povo e levantou um homem para liderar a libertação do povo. Onde estava este homem quando Deus o chamou? Leia mais